Loreena McKennitt - Dante's Prayer

sexta-feira, março 04, 2005

Valsa no Éter

A grande barcaça encostou mansamente ao cais vinda do outro lado do Lago, repleta de gente, que começou a sair apressadamente para terra firme. O Visionário de Negro, aguardava-a ansiosamente, percorrendo veloz e minuciosamente com o olhar aquela mó de gente. Em poucos segundos a sua ansiedade desvaneceu-se. Era Ela, a sua delicada Rosa Púrpura de frágeis pétalas perfumadas que vinha ao seu encontro. Ele barrou-lhe o caminho suavemente, recebendo a recompensa de um agradável e feliz sorriso de surpresa.

A pequena Rosa procurou-lhe os lábios e beijou-o docemente. Como dois adolescentes que vivem intensamente a saudável loucura de um primeiro Amor, começaram a caminhar por entre a Floresta de cimento armado. Ela procurou-lhe as mãos entrelaçando-as ternamente, apoiando o seu frágil Corpo entre a massa possante dele. O Visionário de Negro, com as suas largas mãos acariciava delicadamente os braços de fina porcelana da sua Rosa Púrpura.

Caminharam durante algum tempo pelas labirínticas veredas daquela Floresta, detendo-se na privacidade de um quarto acolhedor. Finalmente, estavam completamente sós. Mansamente, foram-se despojando das suas vestes. Cruzaram os seus olhares aproximando suavemente os seus Corpos. Pela primeira vez, viviam o contacto total da sua pele. O possante Visionário tomou-a de forma delicada em seus braços beijando-a longamente. Confundiram-se os odores. As línguas entrelaçadas num doce bailado, executavam uma Valsa no Éter dos seus fervorosos desejos.

Sentando-se à beira da beira da cama, Ele colocou-a ternamente no seu colo beijando-lhe o Corpo ardentemente. A Rosa Púrpura acariciava-lhe a longa barba salpicada de negro e prata, com as suas frágeis mãos. Ele diz-lhe mansamente “sou Teu, possui-me”. Rosa percorreu-lhe o Corpo docemente, tocando-o com os seus dedos delicados até ao encontro do Phalo. O Visionário abandonando-se à Magia daquele toque suave, delirava de prazer.

Deitou-a, esquadrinhando o seu Corpo milimétricamente. Deteve-se no suave montículo venusiano acariciando-o longamente. Os dois Corpos entrelaçaram-se. Ela ficou totalmente aninhada naquele Corpo enorme e protector. Uma partilha infindável de carícias de amantes rolando, voluptuosamente amparados pelos braços de Eros.

Os seus lábios sussurravam simultaneamente ternas palavras de Amor. “Amo-te”, “Amo-te”. A libido pulsou racionalmente entre eles. O Visionário espalhou abundantemente por entre as delicadas pétalas da sua Rosa Púrpura a seiva da Vida. Tinha-se sublimado o Amor. E os dois em uníssono pronuciaram a mais Bela das palavras:

Amo-te

Comentários Alternativos - Haloscan:

|


Comments:
Adorei este belíssimo texto cheio de ternura e de paixão. Obrigada. Beijos.
 
Quem sou eu para comentar um texto destes? Limito-me a dizer que gostei. Muito.
Um abraço, Amigo Fernando.
 
Estou de saída da blogosfera, mas não dos espaços onde repousei muitas vezes com prazer e onde pretendo repousar outras tantas.
Bom fim de semana
Beijo
 
Ola Fernando
obrigado pela visita
seu texto é lindo
também voltarei.
 
Belissimo este texto. Pleno de paixão, ternura. A escolha da música foi perfeita. Adorei ler este belo texto ao som de "Fascinação" da Ellis que eu tanto gosto. Grata Amigo por este belo momento. Beijo
 
É sempre um prazer vir a tua " casa ". E hoje com esta recepção : um texto apaixonado e uma música linda. Beijo
 
Fiquei surpreendido pela positiva com o seu texto.
Em todas as idades se pode desfrutar a beleza do amor. (salpicada de negro e prata)
Um abraço. Augusto
 
Fernando meu querido amigo,
Há muita beleza e sensualidade nestas tuas palavras.. neste poema fantástico!
parabéns!!
beijinhos,
 
Quem escreve desta forma só pode ter a sensibilidade à flor da pele.
Parabéns e continua assim.
Beijos.
 
Da cadência da valsa no Éter, texto maravilhoso, cheio de paixão, de harmonia, de vida.
Um abraço,
 
Um grande abraço deste leitor e companheiro de sonhos

Luís
 
Fernando...simplesmente belo, a forma...o conteúdo, as personagens, e o tema.

Confesso que me vieram as lágrimas aos olhos, porque senti essa história como se veridica fosse, tal a força que tem as tuas palavras escritas.

Beijo meu querido amigo.
Levo a imagem do teu loirinho.
 
Foi a primeira vez que passei por aqui e fiquei amarrada. È bom saber que está alguém tão sensível mesmo ao meu lado. Obrigada.
 
Foi a primeira vez que passei por aqui e fiquei amarrada. È bom saber que está alguém tão sensível mesmo ao meu lado. Obrigada.
 
Foi a primeira vez que passei por aqui e fiquei amarrada. È bom saber que está alguém tão sensível mesmo ao meu lado. Obrigada.
 
Amigo Fernando!!!
Acho que não é preciso dizer mais nada.
 
Belíssimo o teu texto imerso em letras delicadas e intensas, pintadas de prata e negro. Um bjo com carinho e o meu sorriso amigo Amita//brancoepreto (sapo)
 
surpreendente este texto! Gostei muito. Continuação de boa semana :-)
 
Enviar um comentário

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

* Apelo para a Humanidade *

* Lista de Subscritores *



Contacta-me:
contacta-me
Fala comigo:
hotmail

Visitantes desde
13/07/2004:

web stats
Blogarama - The Blog Directory

Arquivos
  • Julho 2004
  • Agosto 2004
  • Setembro 2004
  • Outubro 2004
  • Novembro 2004
  • Dezembro 2004
  • Janeiro 2005
  • Fevereiro 2005
  • Março 2005
  • Abril 2005
  • Maio 2005
  • Junho 2005
  • Julho 2005
  • Agosto 2005
  • Setembro 2005
  • Outubro 2005
  • Novembro 2005
  • Dezembro 2005
  • Janeiro 2006
  • Fevereiro 2006
  • Março 2006
  • Abril 2006
  • Maio 2006
  • Junho 2006

  • Entradas Recentes
  • Le Chef du Parti socialiste espagnol
  • Sonhos de Outono
  • Tempo de Reflexão
  • Treinadores Políticos de Bancada
  • Sete meses na Blogosfera
  • A Fauna e os Faunos
  • Relações Púbicas
  • Salvemos o Notícias da Amadora
  • Romântico qb
  • Primeiro Balanço do Apelo para a Humanidade
  • Sugestão de Visitas

  • Notícias da Amadora
  • Voz das Beiras
  • Voz das Beiras - Blogs
  • Este Blog apoia esta campanha
  • Associação Animal
  • INTERVALO - GRUPO DE TEATRO
  • Os Sítios do Arco-da-Velha
  • PobrezaZero
  • Associação Gaita de Foles
  • Registe o seu e-mail para ser avisado
    dos mais recentes textos deste Blog



    powered by Bloglet


    Linkar este Blog?
    Fraternidade

    Se deseja linkar este blog com esta imagem por favor copie este código




    O meu Amigo muito especial


    Image hosted by Photobucket.com

    Também escrevo aqui:


    Redescobrir
    Joy Division

    15,00 Euros
    Para encomendar clica na imagem

  • Mundo Bizarro

  • Estúdio de Dança

  • Castelo de Thor
  • O Portal da História
  • Round Table
  • Cancro da Mama


  • Free Photo Albums from Bravenet.com
    Free Photo Albums from Bravenet.com

    Estou no Blog.com.pt

    Fases da Lua
     

    velocimetro


    More blogs about lusomerlin.blogspot.com

    eXTReMe Tracker

    Are you talkin' to me?

    BlogRating